Inspeção para vazamentos diminui conta

Inspeção para vazamentos diminui conta. Com inspeção para vazamentos, conta de água diminui 17%. Condomínio adota medidas para evitar desperdício de água.

Funcionários aboliram mangueiras para lavar áreas comuns do prédio. Síndica e zelador também fazem vistorias contra vazamentos.

A rotina de um condomínio em Moema mudou para diminuir o consumo de água. A limpeza da calçada passou a ser feita apenas com uma vassoura e a garagem é lavada com um balde em vez de uma mangueira, como mostrou reportagem do SPTV nesta terça-feira.

Com os baixos níveis no sistema de represas responsáveis pelo abastecimento de água na Grande São Paulo, é necessário evitar o desperdício e também ficar de olho em vazamentos.

A ordem é para que as áreas comuns do edifício em Moema sejam limpas com um pano apenas para tirar a sujeira aparente. A iniciativa já apresentou resultados na conta de água.

“Está diminuindo numa proporção que é muito mais importante do que valor, que é em mestros cúbicos gastos. E o condomínio, dentro de um ano e três mes, conseguiu diminuir 17,8% a conta”, afirma a síndica Célia Santos.

Outra mudança adotada pelo condomínio foi a operação “Detecta Vazamento”, aprovada em assembleia. A síndica e o zelador visitam cada um dos 56 apartamentos para checar possíveis pontos de vazamento.

“Essas vistorias podem sanar rapidamente problemas simples, que pode ser troca de um courinho, uma vedação ou, caso não seja isso, a gente já é notificado e chamamos um encanador pra fazer o trabalho e não desperdiçar a água”, explica a aposentada moradora do prédio Deise Carriju.

As iniciativas começaram em 2012, quando o condomínio foi um dos primeiros colocados num concurso de economia de água promovido pela Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp). As dicas para evitar o desperdício continuam ao alcance dos moradores, sempre afixadas nos elevadores.

Fonte: G1 Globo