Gestão ambiental de condomínio

Gestão ambiental de condomínio. Os condomínios horizontais fechados ganham cada vez mais adeptos desse tipo de moradia, no entanto observa-se que nem sempre a concentração desse tipo de moradia se dá de forma ordenada ambientalmente.

Destaca-se ainda, que muitos aspectos ambientais significativos de um condomínio são ocasionados pela ausência de consciência e atitude inadequada dos condôminos frente ao gerenciamento destes. Assim, este trabalho analisa o nível de consciência e atitudes ambientais, além da aceitação por parte dos moradores quanto à implementação de práticas de gestão ambiental no condomínio.

Realizada pesquisa que utilizou como instrumento de coleta de dados, um questionário estruturado em escala do tipo Likert, com questões fechadas, contemplando 27 variáveis e subdividida em 04 grupos sendo Consciência, Atitude, Programas Ambientais e Perfil. As técnicas estatísticas utilizadas para a análise de dados foram descritivas e de agrupamento (cluster).

Os resultados indicam que os condôminos apresentam um elevado grau de instrução, no entanto ainda existe uma lacuna quanto à consciência e atitude ambiental que em alguns casos confronta com a preocupação financeira. No entanto, quando um recurso ambiental relaciona-se com o financeiro, como no caso da energia, notadamente há um maior número de pessoas empenhadas em reduzir os gastos.